Sábado, 23 Set 2017
You are here:

Menu Principal

Curiosidades

Viagens Diversas

Usuários On Line

Nós temos 7 visitantes online

Estatisticas de Acesso

Visualizações de Conteúdo : 91096

Cadastro de Usuários



Administrar Site

CONTAF-2010 - Alguns Resultados da Oficina - Interferências no Cotidiano PDF Imprimir E-mail
Escrito por Administrator   
Sex, 04 de Março de 2011 16:28
Fonte: http://nadiasaadbr.blogspot.com
Gleide Inês participou do CONTAF 2010 em São João Del Rei - MG
em Diversas Oficinas. Nadia Saad, Lu Leão ..entre outras.
- Oficina ministrada por Nadia Saad: Interferências no Cotidiano
O tema da oficina era: Interferências no Cotidiano – Manilhas.
com o trabalho abaixo............ expostas no Campus da UF

. 
Participaram também da oficina as colegas:
Adelaide Martins Barbosa e Luciana Cardinal:


Projeto Parapuan - Arte na Indústria, para Além do Trabalho.


Mais uma vez, a palestra foi um sucesso. Os ouvintes ficaram
muito impressionados e emocionados, e mais uma vez, alguns
chegaram até a marejar os olhos de emoção.
Detalhes desse projeto podem ser vistos no meu site:
http://www.nadiasaad.com.br/design/.
Aqui vai só uma foto pra dar um "exemplinho"

Alguns Resultados da Oficina
Interferências no Cotidiano
O tema da oficina era:
Interferências no Cotidiano – Manilhas.
Levei para lá uma vintena de manilhas de várias dimensões.

Não havia inscrição para as oficinas.
Com isso os participantes poderiam circular por todas elas.
Então fiz a seguinte proposta:
Um diálogo com a matéria, com a forma e com outro, conhecido
ou desconhecido, visível, ou não.
Que trabalhassem em duplas, e que no trabalho individual, deixassem
um início do diálogo para o próximo conhecido ou desconhecido,
visível, ou não continuar a "conversa".


E assim foi.
Um rodízio. Algumas manilhas sofreram interferência de várias mãos.
Outras, poucas, porém, apenas a interferência do primeiro par de mãos.
Era muito interessante ver o fluxo das pessoas e suas escolhas.
Os participantes entraram em êxtase.


Vez em quando eu pedia que dissessem a primeira
palavra que estivesse em suas mentes.

Assim eram elas:
força; som; conexão com o universo; intensidade;
liberdade; alegria; criação; desfrute; prazer...

...e outras que não me lembro mais.
Infelizmente não registrei nada do que acontecia na oficina.
Para mim é impossível coordenar a oficina, ficar atenta aos
movimentos, e ao mesmo tempo registrar.
Mas, aos poucos tenho recebido fotos de amigos,
que aqui vou publicando.

O resultado foi tão surpreendente que os participantes sugeriram
que as manilhas fossem expostas no Jardim das Esculturas
da Universidade, mesmo sem queimar.
Dessa exposição, consegui tirar algumas fotos que seguem aqui postadas, também.
Adorei o evento.
E já tenho planos para realizar essa oficina aqui em São Paulo.
Brevemente terão notícias minhas a respeito.
Última atualização em Seg, 07 de Março de 2011 18:04